Um olhar crítico sobre a baixada santísta e o mundo

11.10.05

Intolerância religiosa no Brasil

Na manhã da última segunda feira um evangélico da Assembléia de Deus apedrejou a imagem de Nossa Senhora de Nazaré em Belém.










Ora, eu também acho que a estátua não passa de uma... estátuta. Mas sei que ela é um simbolo mitológico para os católicos. E como símbolo mitológico ela encerra todo o seu significado em si mesma, mesmo sendo um objeto inanimado.

Esse ato representa o que eu mais temo para o Brasil: a intolerância religiosa que assola, em proporções maiores, outros países como a Irlanda do Norte (protestantes x católicos), Jerusalem (judeos x muçulmanos), Caximira (hindus x muçulmanos) e tantos outros lugares do mundo.

Espero sinceramente que o "fantásma" da intolerância religiosa fique bem longe daqui, e que esse episódio seje uma exceção e não uma regra daqui da frente.

1 Comments:

Blogger widson porto reis said...

Nesse caldeirão de fé e misticismo que existe no Brasil, a única coisa que a gente pode, digamos, se orgulhar é da incrível tolerância religiosa (até mesmo promiscuidade religiosa) que cultivamos. Agora até isso os evangélicos vão colocar em risco. Tomara que seja só uma molecagem isolada.

Minha irmã tem uma história muito engraçada. Um técnico estava na empresa dela fazendo uma manutenção qualquer e logo desanda a pregar enquanto fazia o trabalho. Lá pelas tantas diz assim: "Homem que não casa com mulher evangélica é porque gosta de ser chifrado".

Pode??

3:38 PM

 

Postar um comentário

<< Home