Um olhar crítico sobre a baixada santísta e o mundo

6.3.06

Operação Café no Bule
















O que podemos comprar com R$ 5 milhões? Ora bolas, o programa do Ratinho é claro!!

Segundo a repostagem desta semana da Revista Veja
foi exatamente isso que o PT fez. Pagou R$ 5 mihlões para que o Ratinho "falase bem" do presidente Lula e do seu governo. E realmente o programa do Ratinho fez uma grande entrevista com o presidente Lula na Granja do Torto (seria mera coincidência?) onde o barbudo...ops...presidente Lula pôde falar a vontade das maravilhas do seu governo e do seu passado humilde (oh, tristeza!)






Ratinho entrevista Lula na Granja do Torto


E adivinhem quem estava envolvido nessa operação "Café no Bule"....o onipresente Marcos Valério - o Carequinha.

Na reportagem da revista Veja podemos ler a seguinte gravação de telefone entre Bertholdo e Costa Filho (pessoas envolvidas na operação) onde falam como e quanto seria a "ajuda" do Ratinho:

Bertholdo – É só fazer um acordo entre o Ratinho e o PT.
Costa Filho – Ah, é?
Bertholdo – Aí, o Ratinho fala bem do PT até o final do ano.
Costa Filho – Como foi a conversa com o Ratinho? Vocês não foram lá para São Paulo?
Bertholdo – O Ratinho não tava lá. Nós conversamos com o Sérgio (personagem não identificado).
Costa Filho – Esse Sérgio que tá centralizando tudo?
Bertholdo – O PT topou pagar. Cinco paus.
(...)
Bertholdo – Na segunda-feira eu vou, eu e o Ratinho e o Borba (José Borba, então líder do PMDB na Câmara dos Deputados), no avião do Ratinho, pra pegar o Delúbio, que é o tesoureiro. Pra fazer um acerto de uns cinco paus.
Costa Filho – Hum-hum.


Nunca pensei que o grande "defensor do pobres" custase tanto "cascalho".